Aditivos para concreto e argamassa – Conheça os aditivos do mercado



O concreto é um dos principais materiais consumidos hoje pela construção civil brasileira. Sua resistência e trabalhabilidade o tornam um material ideal para a maioria das estruturas, seja de pequeno, médio ou grande porte. Este material porém tem suas limitações, geralmente bem conhecida pelos construtores, e para contornar diversas dessas limitações, existem os aditivos para o concreto, que permitem que o material adquira características específicas, de acordo com o que a situação exigir.

Aditivos para concreto

Basicamente os aditivos para concreto modificam as características do material, por isso, é preciso que seu uso seja bastante criterioso, já que o emprego inadequado de aditivos pode trazer consequências negativas à estrutura.

Tipos de Aditivos para concreto

Existem diversas características do concreto que podem ser alteradas com o uso de aditivos, uma vez que conforme a tecnologia da construção avança, surgem novos aditivos para trazer características especiais ao material.

Aditivos Plastificantes

Aditivos líquidos que reduzem o atrito dinâmico do concreto, tornando-o mais plástico. Esse tipo de aditivo se adiciona na mistura para o concreto na ordem de um litro por metro cúbico de concreto produzido, e resulta em uma economia de cimento de até 15% além de facilitar o adensamento e a trabalhabilidade do concreto, através da redução da tensão superficial da água.

Retardadores de pega

Este tipo de aditivo para concreto serve basicamente para reduzir a velocidade da cura do concreto, ou seja, o seu pega. Esse tipo de aditivo é apresentado na forma líquida, na ordem de um litro para cada meio metro cúbico de concreto preparado. É comum ser usado em situações quando o concreto é fabricado fora do canteiro de obra e o transporte e a concretagem possam levar mais tempo que o usual.

Seu uso possui uma série de benefícios, como a redução de fissuras no concreto, facilidade maior no adensamento e trabalhabilidade, além de diminuir a permeabilidade do concreto.

Aceleradores de pega

Esse tipo de aditivo tem basicamente a função oposta dos retardadores: servem justamente para tornar mais rápida a cura do concreto, agilizando o processo construtivo. É comum ser usado em obras com prazo muito curto, ou com atraso na entrega.

O acelerador de pega é um aditivo líquido para o concreto, que pode ser adicionado à uma proporção de até 2% do total de concreto a ser moldado. Basicamente ele age acelerando o processo químico de hidratação do cimento, fazendo com que a cura ocorra mais rapidamente, aumentando a resistência inicial do concreto. Alguns dos benefícios que o uso deste aditivo para concreto podem trazer são a redução da segregação do material, além de diminuir a exudação.

Incorporadores de Ar

Esse tipo de aditivo serve basicamente para criar microbolhas de ar no interior do concreto. Esse efeito é desejável por exemplo quando se deseja aumentar a resistência térmica do material, sendo indicado por exemplo para ambientes que estejam sujeitos a temperaturas de congelamento.

Esse aditivo é apresentado na forma líquida, mas a quantidade varia de acordo com o tipo de agregado que se adotar na massa. Ajuda também a combater a segregação do concreto e a exudação dos fluídos, além de dar mais liberdade para se adotar agregados para o concreto.

Expansores

São os aditivos que causam certa expansão do concreto, para casos em que se queira preencher algum vazio, ou para compensar a retração da pasta de cimento

Impermeabilizantes

São os aditivos que reduzem a permeabilidade do concreto e de argamassas por capilaridade. Uma marca bastante conhecida no cenário nacional é o aditivo impermeabilizante Vedacit, que além da impermeabilização parcial, aumenta a trabalhabilidade do concreto e de argamassas. Seu consumo varia de acordo com a quantidade de cimento a ser usada na argamassa ou concreto.

NOTÍCIAS DO MOMENTO

Comentários