Fechaduras e Ferragens para portas

Ao se pensar em portas e na segurança que ela exerce para um local, muitos não se dão conta de que as fechaduras são um dos elementos mais importantes na hora da decisão. Conhecer os modelos de fechaduras tem relação direta com o material e a espessura de uma porta.

Algumas características das fechaduras determinam a sua durabilidade – que deve ser a maior possível. Na escolha da fechadura, certifique-se de que a embalagem contém as informações da legislação brasileira que determina fabricantes a informarem os três importantes fatores sobre o mecanismo da peça: tráfego, segurança e corrosão (para saber mais, leia a norma ABNT NBR 14913).

Diferentes tipos de trincos e fechaduras expostos lado-a-lado

Diferentes tipos de trincos e fechaduras expostos lado-a-lado

Cuidados com as fechaduras e ferragens

A corrosão está relacionada à adequação do material da porta, por exemplo se a porta é de madeira ou metal e também ao ambiente que será introduzido. Por exemplo: no litoral é comum a ação da maresia (névoa fina, úmida e salgada carregada de gotículas de água do mar) destruir e corroerem ao longo do tempo cadeiras, janelas, carros, portões de ferro, entre outros objetos. Assim, fechaduras de alumínio são as mais recomendadas por sua alta resistência mecânica, que é a capacidade de suportar as ações externas sem que causem deformações); o tráfego, que corresponde a quantas vezes aquela determinada porta é aberta e fechada. Por isso, existem fechaduras de tráfego leve (comunicação entre cômodos), moderado (escritórios, consultórios, bancos etc.) e alto (shopping centers, escola, lojas etc.); e segurança que se refere à resistência da fechadura em relação a arrombamentos, dividindo-se em três níveis: baixo, médio e alto.

Tipos de Fechaduras

As fechaduras contam com mecanismos de encaixe que pode ser do mais simples ao mais complexo, dependendo do modelo. As mais comuns são as fechaduras de embutir, que são subdividas em cinco tipos:

  • com acionamento elétrico, que são utilizadas em portões (principalmente de garagens) e são controladas por cartões magnéticos;
  • tipo gorges, que é o tipo mais antigo e consiste em acionar sua lingueta (o fecho da fechadura) numa parte integrante da própria fechadura;
  • em portas de correr, comumente usadas em portas que não precisam de muita segurança, possuem a lingueta em forma de gancho;
  • com cilindro, mais usadas em portas de acesso e possuem um mecanismo removível de abrir e fechar;
  • E as de aplicação à vista, que ficam visíveis e parafusadas no exterior da porta, encontradas em portas de garagens e externas.

Ainda existem as fechaduras biométricas, que consistem no reconhecimento da impressão digital de cada indivíduo (é impossível na genética existirem duas impressões digitais iguais); as tubulares que são mais caras, porém mais difíceis de serem destruídas por causa de seu funcionamento mais complexo; as sem maçaneta, que são do tipo mais segura, pois não contam com o mecanismo de mola, tornando mais dificultosa a ação de empurrar a lingueta sem o uso das chaves; e as cilíndricas, onde só é possível abri-las com chave.

Fotos de ferragens para porta e fechaduras

NOTÍCIAS DO MOMENTO

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (No Ratings Yet)
Loading...

Comentários