Pingadeira – O que é, seus usos e aplicações

Depois de concluída a obra, é mais do que necessário observar se tudo vai correr bem futuramente na casa. A água da chuva, por exemplo, pode gerar vários problemas e dar muita dor de cabeça se nada for planejado para fazer o escoamento correto da mesma pela fachada da casa. Com uma função muito importante, ainda assim a pingadeira pode passar despercebida por muita gente, que não faz ideia de sua importância, achando apenas que sua presença no parapeito é uma questão estética.

O que é a pingadeira?

Em arquitetura, a pingadeira se define como sendo um acabamento externo de proteção, que serve para desviar a água da chuva impedindo que a mesma escorra ao longo da parede, prejudicando a fachada, fazendo com que fique manchada. Esse acabamento pode ser instalado na base do vão de uma esquadria por exemplo, para evitar que a água se acumule naquele ponto, mas também pode ser instalada sobre uma parede ou muro, para evitar o acúmulo de água e consequente deterioração de uma alvenaria por conta da umidade acumulada.

Pingadeira fazendo a proteção do peitoril de janela

Pingadeira fazendo a proteção do peitoril de janela

O comprimento e largura dependem exclusivamente do tipo de janela e parede, sendo que o ideal é que não seja muito fina, pois assim a água escorrerá da mesma maneira.

Tipos de pingadeira

A pingadeira pode ser feita de mármore pré-moldada ou ainda feita durante a construção do peitoril, com concreto. Nas construções mais novas, costuma-se planejar as pingadeiras já com antecedência. No caso de apartamentos e edifícios, o uso dela é altamente recomendado, pois a água não contribui em nada na estrutura física da construção, além de deixar a estrutura com aparência de suja.

Pingadeira de concreto

Peças feitas geralmente em concreto pré-moldado não armado, servem principalmente como pingadeiras para muros. Como o concreto um material relativamente permeável, geralmente possuem caimento para dar vazão à água  evitar que se acumule.por ser uma peça esbelta, não atende aos requisitos básicos de recobrimento de concreto em estruturas armadas, as pingadeiras de concreto geralmente não levam aço, para impedir que se deteriorem, porém isso causa o inconveniente de serem pouco resistente,por isso é necessário muito cuidado na hora do transporte e instalação destas peças.

Pingadeira em concreto pré-moldado

Pingadeira em concreto pré-moldado

Pingadeira de granito

Outro material muito cotado para pingadeiras é o granito. O granito uma pedra usada em revestimentos muito resistente e trabalhável, sendo um material perfeito para se fazer a peça. É comum se usar as pingadeiras de granito na base de vãos de janelas, mas estas peças em granito costumam ser mais caras que as feitas de concreto.

Pingadeira de granito para esquadria

Pingadeira de granito para esquadria

Pingadeiras para muros

Existe uma ampla gama de matriais com a qual as pingadeiras para muros podem ser construídas, mas é bastante comum que se adote o concreto pré-moldado. As pingadeiras para muro se diferenciam das esquadrias por terem inclinação para os dois lados, assim distribuindo a vazão de água da chuva. Também podem ser metálicas, na forma de uma chapa de zinco ou outro material maleável que se molde sobre a parede ou muro, evitando a umidade.

Pingadeira de muro moldada in loco

Pingadeira de muro moldada in loco, também conhecida como capa de muro

Idealização e instalação

A pingadeira geralmente é colocada diretamente rente às janelas, mas é importante que fique ligeiramente inclinada para fora, de maneira que a água realmente escoa. Se ela ficar totalmente reta ou caída para a parte de dentro, corre-se o risco de acontecer acúmulo de água, que pode penetrar no interior da construção, trazendo muitas dores de cabeça futuras.

pingadeira instalação

pingadeira instalação

NOTÍCIAS DO MOMENTO

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (587 votes, average: 4,83 out of 5)
Loading...

2 Comments - Add Comment

Comentários