Piso tátil para acessibilidade | Preços, instalação e muito mais



Iniciada no Japão, a aplicação dos pisos táteis deu-se em plataformas de estações de metrô e trens, a fim de indicar o limite de chegada até a beira da plataforma aos passageiros. A ideia é prática e segura para sinalizar ambientes e oferecer independência aos deficientes visuais. É uma linguagem universal e seu significado deve ser evidente de fácil reconhecimento. Ou seja, caso o deficiente visual precise viajar, ele deve encontrar a mesma linguagem simbólica. Há uma década no Brasil, seu conhecimento é relativamente novo e ainda há muito que se fazer para melhorar a acessibilidade, embora já exista a norma técnica NBR 9050 da ABNT, que apresenta acessibilidade universal a edificações, mobiliário, espaços e equipamentos urbanos. Confira a seguir mais informações sobre o piso tátil.

Aplicação de revestimento tátil nas calçadas da Avenida Paulista

Aplicação de revestimento tátil nas calçadas da Avenida Paulista

O que é e para que serve o piso tátil

Também conhecido com superfície tátil, pavimento tátil e podotáteis, o piso tátil consiste em faixas em alto relevo com textura e cor diferentes fixadas no chão para auxiliar na caminhada de pessoas principalmente com deficiência visual e baixa visão. O piso é importante para dar autonomia a estas pessoas para que caminhem com segurança. Basicamente existem duas tipologias de piso tátil: o direcional e o de alerta.

piso tátil direcional e de atenção

A esquerda, o piso direcional, que indica ao deficiente visual a seguir em frente, e a direita, o piso de atenção, que indica a existência de algum obstáculo

Piso tátil direcional

Também conhecido como guia –, que consiste em direcionar/guiar uma pessoa por meio de uma trilha, detectada com a ajuda da bengala dobrável;

Piso tátil de alerta

piso alerta (de “bolinha”), como o próprio nome já diz, consiste em alertar o indivíduo de obstáculos (uma lixeira no meio do caminho, por exemplo) e perigo (um buraco na calçada, telefone público, árvore, uma curva). É instalado a pelo menos trinta centímetros do início e término de rampas e escadas, em frente à porta de elevadores e rampas de acesso a calçadas.

Tipos de piso tátil

  • O piso tátil de borracha é o mais comum e indicado para uso interno (encontrado principalmente em plataformas de estações de trem e metrô). Além de ser antiderrapante, possui grande variedade de cores e é fixado com adesivo de contato, sempre com as distancias entre os pinos e disposições de acordo com a norma técnica citada.

    Piso emborrachado tátil no interior de agência bancária

    Piso emborrachado tátil no interior de agência bancária

  • O piso tátil hidráulico é indicado para ambientes externos, por isso é fabricado em cimento/concreto. Esse material é antiderrapante e resistente – principalmente por causa das intempéries (diferenças de climas) –, e também de fácil manutenção. As cores fortes auxiliam na identificação para as pessoas com bom baixa visão.
Ladrilho tátil hidráulico é o mais recomendado em termos de custo benefício para ambientes externos

Ladrilho tátil hidráulico é o mais recomendado em termos de custo benefício para ambientes externos

  • O piso tátil inox não é tão comum. É fabricado em aço inox e com “elementos soltos” para preservar o projeto arquitetônico original e é indicado para uso interno, sendo fixado com fitas de dupla face.
Uma novidade são os recentes pisos em aço inox, que possuem um grau de resistência muito alto

Uma novidade são os recentes pisos em aço inox, que possuem um grau de resistência muito alto

É bom deixar claro que o excesso ou má colocação e até mesmo em locais inadequados podem confundir e atrapalhar a locomoção dos deficientes visuais. Por isso, ao instalar esse tipo de piso deve-se basear na norma técnica.

NOTÍCIAS DO MOMENTO

Comentários