Sapatas – Blocos de fundações em concreto armado

Existem muitos termos no vocabulário do ramo da construção e vários nomes para denominar cada pedacinho da obra. O difícil é lembrar exatamente o que cada um significa e o que nomeia, assim como a diferença entre partes da construção que parecem iguais, principalmente quando se tratam de fundações, baldrames, etc. As sapatas costumam confundir que não conhece bem as partes da fundação da obra. Por isso é importante entender primeiro o que são as fundações e sua importância.

Sapata moldada in loco

Sapata de fundação moldada in loco na construção.

Tipos de fundações

É a fundação que distribui o peso (carga) de uma obra em seu terreno. Ela a deixará segura, afastando o risco de trincamentos, afundamentos ou situações piores. Ela é a base de uma construção e é parte fundamental na hora de começar a construir.

As fundações podem ser diretas ou profundas (ou indiretas) e dependem do tipo de construção que deseja ser feito. As fundações diretas são usadas para obras com peso mais leve (cargas pequenas) e classificam-se em três subtipos: blocos de fundações, baldrames e radier.

Armadura de bloco de fundação

Armadura de um bloco de fundação. O bloco é uma peça imensa que tem por obetiv garantir a rigidez da base de um prédio, através de sua inércia e de sua base ampliada, considerada uma fundação superficial.

Já as fundações profundas (ou indiretas) são necessárias quando o solo mais resistente para a obra em questão se encontra muito abaixo do esperado, no subsolo, sendo necessário cavar mais de 3m de profundidade. Nesse caso, as fundações classificam-se em estacas, tubulões ou caixões.

Fundação direta com sapatas

Na hora de fazer as fundações da obra, se a distribuição da carga for pontual, onde houver um pilar haverá um bloco de fundação. Dessa forma, a carga do pilar será distribuída pelo solo.

Esses blocos são construídos de pedra, tijolos maciços e concreto simples ou armado. No caso de ser concreto armado, temos então o que se conhece como sapatas.

As sapatas são, portanto, a parte inferior de um alicerce ou fundação, e por isso parte primordial de um projeto de construção.

Como são feitas as sapatas

As sapatas costumam ser uma solução mais barata que o uso de estacas, mas seu uso é restrito à casos em que o solo seja favorável. O número de ferros usados na sapata vai variar de acordo com as dimensões da mesma e com o número de ferros que o pilar a qual ela apoiará vai ter.

Se houver solo firme até 60 cm, o baldrame pode ser feito diretamente sobre o fundo da vala aberta. Esse procedimento também é conhecido como sapata corrida.

No caso de sapatas em pontos cruciais, como foi dito anteriormente, é feito uma espécie de “gaiola” com ferro, que é fixada dentro dos buracos feitos no solo. As gaiolas recebem concretagem em seguida, deixando partes de ferro (vigas) para fora, que serão parte das colunas que ainda virão.

Bloco de Fundação

Bloco de Fundação

NOTÍCIAS DO MOMENTO

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (No Ratings Yet)
Loading...

2 Comments - Add Comment

Comentários