Cambuci: O que é, Benefícios, Emagrece?

Você já ouviu falar em cambuci? Muitas pessoas conhecem essa fruta só de nome. Porém, ela é nativa da Mata Atlântica e faz parte da alimentação de muitas comunidades indígenas e ribeirinhas no Brasil.

Basicamente, até 10 anos atrás, essa planta estava correndo o risco de extinção por conta do desmatamento e poluição. No entanto, uma campanha organizada por produtores da Serra do Mar conseguiu reverter esse processo.

Assim, o consumo da fruta tem sido estimulado por conta do turismo e dos benefícios nutricionais como a capuchinha e o ruibarbo. Afinal, o cambuci é rico em propriedades que fazem muito bem para a nossa saúde. Continue lendo este artigo para saber mais a respeito dessa planta.

O que é Cambuci?

Cambuci

Cambuci

O nome científico dessa planta é Campomanesia phaea e ela já foi muito abundante na região sudeste do nosso país. Uma vez que ela é nativa da Mata Atlântica e tem seu nome originado no tupi-guarani.

Basicamente, o significado do seu nome em tupi é “pote d´água”. Pois, o formato do fruto lembra os vasilhames de cerâmica que os índios utilizavam para carregar água nas suas tribos.

Assim sendo, o cambuci faz parte da cultura dos povos que habitavam a Serra do Mar e o litoral paulista. No entanto, estava correndo um sério risco de extinção por conta da deterioração da mata nativa.

Dessa forma, uma maneira de lutar pela preservação da planta foi resgatar a memória regional para o consumo do fruto. Afinal, por muito tempo ele foi utilizado em diversas receitas dos povos tradicionais da região paulista.

Por exemplo, além do consumo in natura era muito comum usar a fruta em doces, geleias e licores. Da mesma forma, a casca do fruto era muito utilizada em chás e fazia parte de receitas de pratos salgados.

Nesse sentido, um dos projetos que mais contribuiu para a preservação dessa fruta foi a rota do cambuci. Uma parceria entre o Instituto Auá e os munícipios que fazem parte da região nativa da planta. 

Assim, o projeto promove a popularização do consumo do fruto a partir da comercialização sustentável de produtos doces e salgados. Dessa maneira, luta pela preservação da planta e ao mesmo tempo promove o turismo na região.

Principais Características

A árvore do cambuci pode chegar aos 10 metros de altura com facilidade e vive por aproximadamente 50 anos. Assim, uma única árvore é capaz de produzir uma quantidade muito grande de fruto.

Por conta disso, esse recurso sempre foi muito utilizado na alimentação dos povos tradicionais da região. Além disso, o sabor do fruto é muito apreciado. Uma vez que a polpa é doce e possui um leve toque de acidez.

Entretanto, por conta da alta concentração de taninos na fruta o seu consumo é mais comum através de receitas. Pois, elas tendem a atenuar a característica sensação de amargor provocada pelo consumo in natura da planta.

Benefícios do Cambuci

Cambuci

Existem muito benefícios relacionados ao consumo do cambuci. Já que essa fruta é rica em antioxidantes e compostos fenólicos que ajudam a manter a saúde do nosso corpo em dia. Prevenindo diversos tipos de doenças crônicas.

Além disso, essa planta possui uma grande quantidade de vitamina C na sua composição. Superando a quantidade encontrada na acerola e na laranja, por exemplo. Assim, acompanhe a lista com os principais benefícios do fruto a seguir:

  • Ajuda a regular o índice glicêmico após as refeições, portanto o cambuci é um grande aliado no tratamento de diabetes;
  • Melhora o sistema imunológico e ajuda a prevenir e tratar doenças do sistema respiratório (asma, bronquite e gripes);
  • Reduz o risco de doenças cardiovasculares e previne o acidente vascular cerebral. Pois, regula a pressão arterial e combate o entupimento dos vasos;
  • Melhora a memória e ajuda na prevenção do Alzheimer, pois apresenta ação neuro protetora.

Comentários