Tamareira Phoenix (dactylifera L.): O Que é? Como Cuidar e Como Plantar

A tamareira é uma das mais lindas frutíferas que temos notícia. Aprenda como cultivá-la e veja os passos para plantar você mesmo.

A tamareira é, sem dúvida, uma das árvores frutíferas mais valorizadas em todo o mundo. Como o próprio nome já sugere, é ela que produz as tâmaras, fruta tão apreciada por seu sabor doce e ímpar. A tamareira vem sendo uma opção para o plantio em ambientes abertos e públicos praças, canteiros, bem como, jardins e fachadas de casas.

O Que é Tamareira?

tamareira

A tamareira é uma planta nativa do Oriente Médio, do norte africano e também do noroeste indiano. Embora seja exótica, ela é muito popular. Além disso, tem significados para os cristãos. Isso, pelo fato de ser citada na Bíblia Sagrada e apresentar o simbolismo de esperança e também produtividade. De acordo com a tradição judaica, as tamareiras que se encontram em Jerusalém, a Terra Santa, foram carregadas do Egito após o Êxodo. Existem relatos de que uma dessas árvores, na época, voltou a dar frutos 2 mil anos depois.

Confira a seguir alguns dados técnicos sobre a tamareira:

  • Nome científico: Phoenix dactylifera L.
  • Nomes populares: Tamareira, datileira, fênix-de-tâmara, palmeira-de-tâmara,
  • Família: Angiospermae – Arecaceae
  • Origem: Noroeste da Índia, Norte da África, Paquistão, e Oriente Médio

De acordo com especialistas, seu ciclo de vida é perene. Esse tipo de palmeira possui folhas pinadas e longas, folíolos afilados, traz coloração verde-brilhante. Quando as folhas caem, elas mantêm parte de suas bainhas fixas ao tronco. Desse modo, torna-se um local muito propício para epífitas, caso não sejam removidas.

Como Cuidar De Tamareira

Quem deseja cultivar uma tamareira, seja em casa, no sítio ou qualquer outro ambiente, precisa ficar atento quanto a algumas questões:

  • Regras
  • Adubação
  • Climatização
  • Podas

Sendo assim, confira a seguir as informações necessárias para se cultivar tamareiras:

  • Adubo: o mais adequado, segundo especialistas, é misturar três quilos de esterco de curral bem curtido mais 300 gramas de fosfato natural ou farinha de osso dentro da cova onde a mesma será plantada. Já no caso da adubação para manutenção, deve-se fazer com composto orgânico ou esterco de curral curtido. Isso, em volta do caule.
  • Regas: a priori, o solo deve estar sempre úmido, contudo, sem jamais encharcar. Isso vale, inclusive,  para as tamareiras recém-plantadas e jovens.
  • Clima: já que se trata de uma nativa do clima tropical (assim como o oiti) a tamareira costuma se adaptar muito bem ao Brasil. Entretanto, pode-se plantar, sem receio, em clima equatoriano, mediterrâneo, oceânico, e também subtropical.
  • Podas: recomenda-se podar as folhas inferiores, para estimular o crescimento apical e ainda diminuir o volume da copa.
  • Solo: prepara-se o solo com adubação orgânica e um bom sistema de drenagem. Além disso, recomenda-se aplicar um inseticida sistêmico.

Como Plantar Tamareiras

Abra um buraco maior que o torrão e mais largo que fundo já que a maioria de suas raízes são superficiais.

Em seguida, faça uma mistura de composto orgânico e coloque;

Agora, deve-se regar bem a cova antes de colocar o torrão.

Logo após, acomoda-se o torrão, preenchem-se as laterais com a mistura de insumos e rega-se bem.

Tipos De Tamareiras

Canário

Roabeleni

Palmata

tamareira palmeira palmata

Teofrasto

Forest

Comentários