Pré-Moldados – Solução para agilizar a construção civil

Para sanar problemas de mão de obra, tempo e dinheiro, a construção civil desenvolveu componentes pré-moldados padronizados, que consiste em uma técnica com qualidade equivalente e até superior a alvenaria convencional.

Os elementos em concreto pré-moldado – vigas, pilares, lajes etc. – adquirem bastante resistência antes do posicionamento na estrutura e aplicam-se em prédios multipavimentados (de muitos pisos), supermercados, condomínios, galpões, escolas, entre muitos outros locais, e também em projetos habitacionais de interesses sociais (como o “Minha Casa, Minha Vida”, “Projeto Cohab” e o “Projeto Cingapura”). Com esse sistema pré-moldado é possível fazer a combinação e a montagem do layout ideal que o cliente deseja, satisfazendo suas exigências. Aberturas para adaptações elétricas, caixas, dutos também podem ser integradas as estruturas pré-moldadas, assim como tubos de água pluvial (chuva) que são moldados já nas colunas ou nos elementos da fachada.

estrutura de um galpão pré moldado

estrutura de um galpão pré moldado

Vantagens do sistema de pré-moldados

Com toda essa agilidade, o processo ganha tempo, o que eleva a qualidade do produto final. A rapidez na execução ainda reduz os custos, diminui o número de possíveis acidentes de trabalho (uma vez que os operários trabalham “de dentro para fora”, já que a concretagem da laje é feita depois que as paredes já foram moldadas) e não perde em nada em qualidade e produtividade, muito pelo contrário, aumentam nesses quesitos. Por serem produzidos em ambiente fechado, não sofrem com alterações climáticas, o que resulta em economia de tempo (ficam prontos mais rápido), são antichamas (resistentes ao fogo) e seu acabamento liso está pronto para pintura.

lajes pré moldadas

lajes pré moldadas

Toda essa agilidade ainda garante segurança na execução da estrutura pré-moldada, pois os fabricantes garantem que a resistência das peças comercializadas seja aquela contratada, o que pode ser confirmado posteriormente em testes de rompimento de peças. Além disso, “dispensa” o uso de profissionais, já que reduz o número de operários pela metade – como pedreiros, serventes, armadores no que se refere à moldagem de peças. Ou seja, há uma redução bastante substancial nos custos finais, que pode chegar a aproximadamente 25% de economia,

Esse sistema ainda evita o desperdício com possíveis sobras de materiais, como arames, madeiras, pedras, ferro etc., contribuindo para que o meio ambiente não sofra com consequências danosas. E não interfere tanto no tráfego como essas grandes obras que se costuma ver no dia a dia.

Tipos de pré Moldados

Na construção civil brasileiro, atualmente existem dois tipos principais de construções pré moldadas, como veremos a seguir:

Pré-moldados em concreto armado

São as peças feitas de concreto armado ou protendido para a construção de prédios em pequeno e médio porte. No pais, são muito populares para a construção de pavilhões industriais e prédios fabris de pequeno porte, apenas nos últimos anos que tem ganho popularidade em construções de gabaritos mais diversificados.

montagem de prédio pré-moldados

montagem de prédio pré-moldados

Pré moldados em aço

São as construções que usam elementos metálicos como vigas, pilares e pórticos em elementos prefabricados de metal. não exigidas principalmente em prédios em altura, já que o aço tem maior resistência a flexão, função necessária em prédios em altura que costumam sofrer com a força da incidência do vento, que é uma força colossal.

pré fabricados em aço

pré fabricados em aço

NOTÍCIAS DO MOMENTO

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (No Ratings Yet)
Loading...

Comentários