Decoração Sustentável – Projetos decorativos sustentaveis



Comprar móveis e/ou outros objetos de decoração às vezes sai caro; por isso apostar em materiais recicláveis, alternativos e reaproveitados é um ótimo caminho de economia. Mas não é só pelo custo financeiro: além disso, pode-se ajudar o meio ambiente diminuindo a quantidade de resíduos jogados fora e reduzindo o uso de fontes naturais, que muitas vezes não são renováveis, dando apenas uma cara nova.

Define-se como sustentável aquela decoração que cause o menor impacto possível no meio ambiente, ou seja, pode ser através do reaproveitamento de algum material que seria descartado, ou simplesmente através do uso de materiais com baixo impacto ambiental, como fibras naturais ou madeira de reflorestamento.

móvel reciclado

Uma boa dica de decoração é a utilização de móveis usados com uma roupagem nova, isto é, dar uma nova pintura, ou aplicar adesivos, ou até mesmo criar uma composição de mobiliários totalmente nova com móveis usados, como na imagem.

Reaproveitamento ou reciclagem?

Com os móveis antigos é possível deixá-lo com cara nova, personalizando-o ou customizando-o (adaptá-lo ao próprio gosto ou a especificações por ele determinadas). Comece reutilizando e/ou reciclando o que tiver em casa. Lembre-se que a diferença entre reutilizar e reciclar é que na reciclagem materiais como vidro, plástico e alumínio, por exemplo, são beneficiados ou utilizados como matéria-prima, transformando-se em outro produto. Já reaproveitar é usar o objeto/móvel mais de uma vez.

Exemplos de decoração com reaproveitamento

Alguns exemplos de decoração sustentável que pode lhe abrir outras ideias de reaproveitamento:

  • Para quem prefere um estilo mais rústico, o caixote de feira é uma excelente opção. Ele pode ser reaproveitado em banheiros como suporte para jornais, revistas e toalhas; em jardins, como prateleiras e estantes para colocar vasinhos de flores etc. O caixote pode ser lixado e manter seu aspecto natural ou há opções de pintá-lo, envernizado, forrado com algum tecido, entre outros;

    decoração estante Caixotes de feira

    Decoração com estrantes de caixotes de madeira reaproveitados

  • os paletes (do inglês pallet, estrado sobre o qual se empilham fardos para serem transportados em bloco) podem virar mesinhas, apoio para os pés, estantes, prateleiras, adegas etc. e são fáceis de encontrar;

    Decoração sofás com pallets

    Sofás decorativos para sala feitos com pallets reaproveitados

  • troncos de madeira (devidamente higienizados, afinal ninguém quer cupim ou formigas dentro do ambiente) também são ótimas mesinhas de centro;

    Mesa de tronco de madeira

    Mesa com reaproveitamento de tronco de madeira

  • pneus velhos podem ser encapados/revestidos e virarem pufes (pequeno móvel redondo e acolchoado usado como assento ou descanso dos pés), assim como lonas de caminhão recicladas que, além de pufes, também podem virar cadeiras; garrafas de vidro podem virar luminárias, abajures, recipientes para velas, flores ou simplesmente colori-las.

    floreiras de pneus reaproveitados

    floreiras de pneus reaproveitados

  • Em jardins, é possível delimitar um espaço colocando garrafas com a boca para baixo;
  • tiras de jeans, por exemplo, podem revestir sofás.

O uso de couro ecológico, diferentemente do couro sintético, é livre de aditivos poluentes ao ser humano e ao meio ambiente. O couro comum usa aditivos como o Cromo, um metal pesado tóxico que evita que o couro apodreça, mas que é muito nocivo à natureza. Fibras de garrafa PET, borracha reciclada, aço inox (que não oxida/enferruja) são materiais bem visados na questão da sustentabilidade.

Salienta-se, porém, que alguns materiais alternativos e/ ou sustentáveis como a fibra natural às vezes podem sair caros, pois são produtos exclusivos e escassos (madeira de demolição, por exemplo), já que não são facilmente encontradas. Mas nada que uma boa dose de boa vontade e criatividade não deem bons frutos e contribuam para um mundo melhor.

NOTÍCIAS DO MOMENTO

Comentários