Laje de Isopor – Preço, medidas e muito mais

O Isopor (poliestireno) está liderando o caminho das soluções alternativas de abastecimento em lajes de concreto, oferecendo suporte e maior isolamento térmico para a construção residencial ou comercial. A laje de isopor surgira como uma maneira eficiente de permitir a criação de lajes treliçadas e nervuradas sem o uso de formas móveis, como um preenchimento permanente para a laje de concreto.

enchimento de isopor em laje treliçada aguardando para ser concretada

enchimento de isopor em laje treliçada aguardando para ser concretada

O que é laje de isopor?

O nome pode confundir, mas a laje de isopor não se trata de uma laje feita inteiramente como isopor. O EPS é na verdade usado como um preenchimento em lajes nervuradas e treliçadas que tem baixíssimo peso estrutura, por isso acaba sendo muito eficiente.

Sobre o isopor é feita a concretagem das lajes, e ao contrário de uma laje nervurada convencional, em que seria necessário retirar as formas após a concretagem,as placas de isopor podem permanecer sob a laje, já que são elásticas, e seu peso é insignificante para a estrutura.

Módulos de Isopor usados em lajes como enchimento

Módulos de Isopor usados em lajes como enchimento

Usar o isopor, por exemplo, torna a construção mais rápida e rentável do que as placas de concreto tradicionais. As principais razões que têm levado as pessoas a escolher o sistema de poliestireno sobre uma laje de concreto tradicional incluem:

  • A laje de concreto tradicional pode rachar e se mover dentro do solo, como resultado de calor, umidade e tempo chuvoso. O isopor na construção absorve a pressão e deixa sua laje estruturalmente intacta a esses fenômenos naturais.
  • Excelente isolamento a partir das cavidades naturais do ar na espuma de poliestireno expandido e células moldadas especialmente concebidas.
  • Terraplenagem mínimas são necessárias, já que não há trincheiras internas para cavar.
  • Aumento dos valores térmicos da casa, que é feito de isopor com uma camada de concreto por cima. Esta massa térmica, em seguida, age como um isolamento.
  • A construção é mais rápida.
  • Mais rentável, porque torna menor a necessidade de uso do concreto.
  • O trabalho pode continuar em condições atmosféricas adversas.
  • Menos perturbação ambiental, porque a laje fica no local, em oposição ao chão.

Durante a fase de construção os blocos de isopor podem apoiar os trabalhadores e equipamentos, permitindo o acesso completo a área de trabalho sem medo de quebras ou danos. Da mesma forma, o sistema suporta a concretagem, desde que os canais sejam encostados nos intervalos recomendados.

Vantagens

1. Isolamento térmico e acústico

O isopor é amplamente utilizado como um material de isolamento térmico e executa esta função na laje moderando as temperaturas de construção e reduzindo os custos de energia associados com aquecimento e resfriamento.

O isolamento térmico do isopor é 7 vezes melhor do que uma laje de concreto normal. O isopor também atua como uma barreira de som e, em combinação com a placa de concreto, silencia todas as ondas que poderiam ser transmitidas através de lajes.

Placas de laje de isopor com espera de aço, esperando a concretagem

Placas de laje de isopor com espera de aço nos locais das paredes, esperando a concretagem

2. Desempenho retardante contra fogo

A característica retardante de fogo de alguns isopores para laje tem como resultado a resistência contra um possível incêndio. Este tipo não adiciona qualquer risco de incêndio existente e não contribui para a fase de desenvolvimento do fogo, não se propagando em chamas.

3. Durabilidade da laje de isopor

Os isopores para laje são a prova de podridão, roedores e cupins, sendo dimensionalmente estáveis e, assim, mantendo a térmica e servindo as propriedades com qualidade por muitos anos.

Veja também: Vantagens e desvantagens do tijolo ecológico.

Desvantagens

1. Valor

O valor da laje de isopor costuma espantar entusiastas por inovação na construção civil, já que o preço pode ser significativamente maior que o das tavelas de cerâmica. Entretanto, com o menor peso e peças maiores, o custo da mão de obra e redução do concreto necessário pode compensar em grandes projetos.

2. Frio e calor

É importante deixar claro que, embora o isopor contribua significativamente para a proteção térmica dos ambiente internos, ele não faz milagres. A eficiência energética do projeto ainda vai necessitar que o projetista leve em consideração paredes e aberturas, para evitar a insolação excessiva e grandes variações na amplitude térmica.

O que é melhor: laje de isopor ou de tijolo?

Em termos de resistência, as lajes de isopor e de vigota e tavela são equivalentes. Isso porque nem o Isopor nem o tijolo possuem efeito estrutural, não fazendo qualquer diferença.

Entretanto, o poliestireno pode ser considerado mais vantajoso por ser mais leve. Ele reduz o peso médio da laje reduzindo a quantidade de concreto necessária para reforçar a estrutura. Além disso, ele é mais rápido de se montar, reduzindo os custos de mão de obra na montagem da laje para concretagem.

Preço de Lajes de Isopor

A média de preço das lajes de isopor não é muito distante das lajes planas convencionais. Há de se acrescentar o valor do poliestireno, que fica em média R$ 28,00 m².

Vale lembrar que pode haver economia com o tempo de montagem das formas de concretagem. Isso reduz significativamente o preço da mão de obra do processo de concretagem de lages.

O isopor tem um custo competitivo quando se compara o valor do material com os sistemas de formas tradicionais, e se torna cada vez mais vantajoso quando o custo do trabalho, requisitos de equipamento e tempo são levados em consideração.

Sistema de escoras de madeira - eucalito roliço - portando a laje até passado o período de cura da concretagem superior, de cerca de 28 dias

Sistema de escoras de madeira – eucalito roliço – portando a laje até passado o período de cura da concretagem superior, de cerca de 28 dias

laje de isopor montada em dois sentidos diferentes

laje de isopor montada em dois sentidos diferentes

Acabamento da laje de isopor

Em geral, não é indicada a remoção das tavelas de isopor após a cura do concreto. Afinal, elas vão funcionar como uma proteção extra para a armadura do concreto, apesar de não possuir função estrutural propriamente dita.

Os acabamentos mais frequentes, no caso da lage de isopor, costumam ser:

  • Forro rebaixado: o forro de gesso rebaixado costuma ser a opção mais utilizado, pois dá o acabamento perfeito para a laje. Os grampos para fixação do forro, entretanto, precisam se fixados na parte exposta do concreto, pois o isopor não aguenta a carga do gesso;
  • Rebocamento da laje: Caso o responsável pela obra opte pelo rebocamento, o mesmo pode ser feito diretamente sobre o EPS. Cuidado especial para não sobrecarregar o emboço, e para não colocar demasiado cal no chapisco.

8 Comments - Add Comment

Comentários